Back

Apr 18, 2022

Integração Digital (Digital Onboarding): o que é e o que significa

ptpt
  • es
  • en
  • fr
  • de
Integração Digital (Digital Onboarding): o que é e o que significa

A integração digital representa o processo central com o qual empresas e organizações incorporam os seus clientes e utilizadores de forma ágil, simples, segura e garantida.

Esta parte fundamental da relação utilizador-organização é apresentada como o momento-chave para dois aspetos fundamentais: A segurança da empresa ou organização para adquirir um utilizador legítimo como cliente, com garantias e controlos adequados e a decisão final do cliente potencial de se tornar ou não um cliente.

QUAL É O PROCESSO DIGITAL DE INTEGRAÇÃO

A integração é o processo de aquisição ou subscrição de novos utilizadores, garantindo que acedem a todos os serviços e produtos que uma organização pode oferecer de forma simples e rápida, integrando-se na base de dados.

O processo de integração é o início oficial de uma relação direta e consensual com um indivíduo como utilizador registado ou cliente oficial, sendo o momento crucial em que será decidido se o cliente potencial se torna cliente da nossa empresa ou abandona a sua tentativa de ser um. Assim, será registada na nossa empresa, fornecendo dados que permitam a sua identificação e acesso aos produtos e/ou serviços contratados.

Embora o conceito de integração seja bem conhecido no campo dos recursos humanos e da gestão de talentos, este termo é amplamente utilizado em qualquer área em que uma organização precise incorporar uma pessoa na sua estrutura, seja como cliente, como colaborador ou como utilizador.

Este processo, agora digitalizado, pode ser feito de forma completa online e remota a partir de qualquer dispositivo com câmara. Graças a controlos técnicos e de segurança concretos e exaustivos, as empresas de qualquer setor, incluindo as tão sensíveis como o setor financeiro, podem incorporar novos clientes e utilizadores de qualquer lugar, em qualquer momento e através de qualquer canal com suporte de segurança e regulação.

Da mesma forma, o processo de integração do cliente também é conhecido como o processo Conheça o seu Cliente (KYC). Este termo, amplamente utilizado em setores como a banca, finanças, seguros ou outros relacionados, é sinónimo de integração digital, utilizado em todas as indústrias e áreas.

Assim, conhecemos a integração digital como aquele processo de integração realizado de forma automatizada e através de um dispositivo digital.

TIPOS DE INTEGRAÇÃO

Os diferentes tipos de integração variam consoante o seu processo de digitalização:

Integração no local: É o método convencional de integração. O consumidor desloca-se ao escritório comercial ou à loja de uma empresa e deve apresentar o seu documento de identidade como prova de identificação.

Integração parcialmente-no-local: As empresas oferecem documentos digitais aos seus novos clientes para preencher os dados em casa, mas mesmo assim, devem ir ao escritório pessoalmente para os entregar.

Integração digital: Também chamado online ou remoto. O processo está completamente digitalizado e o consumidor não tem necessidade de ir a um escritório ou loja se não o quiser, podendo tornar-se um cliente remotamente com segurança e garantias. Conhecemo-lo como integração digital, pelo seu nome em inglês “digital onboarding”.

COMO FUNCIONA A IDENTIFICAÇÃO NA INTEGRAÇÃO DIGITAL

A identificação digital está a transformar completamente todos os setores, embora especialmente o financeiro e outros relacionados. Os bancos e as instituições financeiras compreenderam as necessidades dos consumidores atuais, transformando os seus processos para lhes oferecer uma experiência que achem confortáveis e acessíveis, sem atritos e sem dificuldade na hora de se registar para os produtos. Os tempos foram otimizados, os custos reduzidos e o processo melhorado graças aos modernos sistemas de integração digital.

A identificação digital é um processo 100% online e remoto. Os clientes não têm necessidade de se deslocarem para adquirir e aceder a produtos e serviços: A abertura de contas é feita de maneira remota e com as mesmas garantias e segurança que o método presencial, é agora possível com os novos regulamentos e soluções tecnológicas desenvolvidas pelas empresas RegTech.

INTEGRAÇÃO DIGITAL E TRANSFORMAÇÃO DOS NEGÓCIOS

As empresas de todos os setores beneficiaram desta nova tecnologia revolucionária e do seu quadro legislativo. Em primeiro lugar, os sistemas de integração digitais são simples para o utilizador, uma vez que estão integrados no processo de registo em apenas alguns segundos, transformando um processo tedioso e complexo num processo imediato e fluido. Por outro lado, a IDentificação por Vídeo permite a verificação em tempo real, graças à implementação da inteligência artificial e machine learning por alguns fornecedores de software dos processos KYC (Conheça o seu Cliente).

Estes fatores têm demonstrado que as empresas que utilizam esta tecnologia aumentaram exponencialmente a sua aquisição de clientes com a incorporação de integração digital. Este novo sistema também protege os seus clientes contra a fraude, graças à tecnologia que cumpre com as mais rigorosas normas de segurança.

VANTAGENS DA INTEGRAÇÃO DIGITAL NO SETOR FINANCEIRO

A identificação num processo de integração digital é a chave para aumentar a taxa de conversão e melhorar a experiência do utilizador, cumprindo a mais rigorosa regulação e reduzindo drasticamente os custos, aumentando a produtividade e eliminando barreiras e tempos de espera.

Muitas empresas, especialmente no sector financeiro, já lideram o setor tendo adotado a Diretiva AML5 nos seus processos de integração digitais, acedendo a um novo mercado europeu com 508 milhões de potenciais clientes.

FATOS SOBRE O PROCESSO DE INTEGRAÇÃO DIGITAL NA BANCA

9 em 10 bancos com sistemas de Identificação por Vídeo implementaram a tecnologia de integração digital da “Electronic Identification”, que lhes permitiu aumentar a aquisição dos seus clientes em 84%.

O processo tradicional de integração, que normalmente requer, em média, cerca de 3 semanas, é feito em 3 minutos ou menos na integração digital. As economias de tempo tanto para os seus colaboradores como para os seus clientes são substanciais, reduzindo a burocracia e evitando perdas de potenciais clientes nas fases posteriores do processo de aquisição de novos utilizadores. Todos estes fatores permitiram que estas empresas reduzissem os seus custos operacionais e aumentassem o seu volume de vendas.

Se você está interessado em saber como fazer que os seus processos de integração e KYC passem de 3 semanas a 3 minutos, faça o download deste guia.

Cookies on this website are used to personalize content, offer social media features and analyze traffic. We share information with our social media, advertising and web analytics partners, that can combine it with other information provided to them or that they have collected from the use of their services. Manage, get to know, accept or delete cookies by clicking on "Cookie Settings and Policy" . You accept our "Privacy Policy" by navigating this website.

Picture

Please rotate your device to continue discovering the leading eID digital identification solutions